CGK entra no e-commerce

04/07/2017

Venda online facilita o encontro das soluções por quem busca poucas licenças de software ou quem precisa cotar preços de forma fácil, rápida e prática, sem precisar se deslocar

 

A CGK acaba de entrar no e-commerce. A companhia lançou sua loja virtual, com foco em ampliar as vendas ao setor corporativo e end user. Conforme o diretor Comercial da CGK, José Guido Kirst, a venda online facilita o encontro das soluções por quem busca poucas licenças de software, por exemplo, ou quem precisa cotar preços de forma fácil, rápida e prática, sem precisar se deslocar.

A inovação no modelo de negócio da CGK adere às inevitáveis tendências do comércio atual: conforme a Pesquisa Conjuntural do Comércio Eletrônico FecomercioSP/Ebit, o e-commerce brasileiro deverá crescer de 10% a 15% em 2017, após encerrar 2016 com alta de 8%.

Além disso, estudo realizado pelo Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil) mostra que 90% dos brasileiros com acesso à internet fazem pesquisas online antes de realizar compras em lojas físicas. Ou seja: o e-commerce também deverá alavancar as vendas da CGK no meio offline.

“Será mais fácil para quem busca as soluções que vendemos fazer pesquisas, cotar preços, consultar funcionalidades etc. No site, o internauta encontra tudo – de softwares de edição de imagem e texto a soluções em armazenamento, backup e disaster recovery, datacenter, segurança da informação, redes, videoconferência e muito mais. Nossos 30 anos de mercado nos garantiram alta credibilidade dos fabricantes de nosso portfólio, o que nos permite contar com parcerias sólidas para oferecer produtos de qualidade com condições adequadas a clientes de todos os portes e segmentos”, comenta Kirst.

Além das soluções mencionadas pelo diretor, o e-commerce da CGK também conta com software para áudio e multimídia, BI, análise de dados e estatística, CAD, BIM e GIS, banco de dados e virtualização, design gráfico, webdesign e fotografia, EAD e soluções educacionais, produtividade e apresentações profissionais, projetos e desenvolvimento de sistemas e aplicações, publishing, documentos eletrônicos e PDF, redes e monitoramento, soluções na nuvem (cloud), suporte, manutenção e inventário, utilitários e soluções profissionais, vídeo, 3D e games.

O catálogo de fabricantes parceiros inclui Adobe (da qual a CGK é revenda Gold), Autodesk, AVG, Balsamiq, Corel, Cyberlink, Dolphin, Eloquence, Enfocus, Enterprise Architect, ESET, Filemaker, Indomedia, Kaspersky, Microsoft, Nero, Nuance, Mindjet, Paessler, Parallels, Parlí, PL/SQL, SAP, Seagull Scientific, Techsmith e Zbrush, entre outros.

Também é possível encontrar no site informações sobre os serviços da CGK, que incluem CIO as a Service, Consultoria em Gestão e Serviços de TI, Gerenciamento de projetos, Gestão de capacidade, renovação e expansão de TI, Implantação e desenvolvimento de sistemas, Mentoring para gestores de TI, Revisão e melhoria de processos, Seleção e implantação de soluções de tecnologia.

O lançamento do e-commerce acompanha a renovação do modelo de negócios da CGK, que após 30 anos de mercado, este ano lançou uma Diretoria de Serviços, inovou com ofertas como o CIO as a Service, e contratou um Diretor Executivo – Paulo Garcia, que veio de anos à frente da TI das instituições de ensino do grupo Laureate Education.

 

fonte:Decision Report

NOSSOS CLIENTES